Morrem mais crianças no trânsito do que de doenças no Brasil

Essa notícia assustadora que saiu hoje é um complemento ao post anterior sobre brigas de trânsito. Um estudo mostrou que 22 em cada 100 mil crianças morrem no Brasil em acidentes de trânsito. Para se ter uma ideia, isso é quase 8x mais que o Reino Unido ou a Suécia. Mais crianças morrem no trânsito do que de doenças ou afogamentos.

Isso sem considerar as milhares de crianças que não morrem mas ficam com sequelas permanentes, como paralisia ou perda de membros. Certamente há casos onde os pais não são diretamente responsáveis, mas é também provável que muitos outros acabam em morte de crianças pro imprudência dos pais que dirigem.

criancas

Eu já cansei de ver nas estradas absurdos completos de motoristas com crianças no carro fazendo ultrapassagens totalmente arriscadas ou dirigindo acima de 150km/h na maior tranquilidade. São pais que aparentemente não se preocupam com a integridade física da própria família.

Não basta ter carros melhores e estradas melhores. Um motorista educado tem muito menos riscos de sofrer um acidente fatal do que um motorista imprudente. A educação no trânsito é a maior arma para evitar acidentes.

Você deve dirigir com prudência independente de ter ou não filhos. Uma atitude irresponsável pode acabar atingindo uma família e se transformar numa tragédia, como no vídeo deste link (não embedei aqui porque achei as imagens fortes demais). Crianças acabam sendo vítimas totalmente inocentes desses acidentes.

Lembre-se: são seus filhos que estão no carro. Se você não tem, poderá vir a ter um dia. Ganhar alguns segundos ou alguns metros não compensam a possibilidade de uma tragédia permanente.

Comentários

comentários

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *